Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Gazeta do Repórter

Informar e acompanhar a cultura, desporto e reportagens. Dar voz a quem não a tem e dar destaque a quem merece ser destacado!

Balanço de 2020, o pior!

31.12.20 | Rogério Rosa

feliz-natal-e-prospero-ano-novo-2021.jpg

          Em cada fim de ano, costuma-se fazer um balanço justo do que se passou ao longo dos 12 meses, mas este ano 2020, foi na grande maioria, o pior que aconteceu. Foi o ano atipico, que nos trouxe a maior desgraça que há memória. A Pandemia.

          A covid, veio destronar todo o sucesso, paz e amor entre o Mundo. Alastrou o mundo inteiro, matou milhões de pessoas e fez crescer brutalmente o desemprego. Nunca se pensou, que alguma vez nos viamos uns aos outros de máscara, sem ser no Carnaval. Por isso, este foi para todos os efeitos o pior, embora que se possa também ter um outro olhar positivo. A tecnologia nunca fez tanto sentido e se tornou tão útil como durante o confinamento. Já no ensino foi muito +util para milhares de alunos que cxomeçaram a ter aulas online, bem como também, os Centros de Emprego, optarem por fazerem formações online. Bom para muita gente,m mas sem nenhum contacto fisico, sem nenhum afeto, amizade, o falar pessoalmente, as ajudas nas aulas, o abraço, o beijo, tudo foi impedido pelo virus.

          O Ano 2020, poderia ter sido um ano brilhante de muitas oportunidades e de saúde, mas foi tudo menos isso. O trabalho infernal dos profissionais de Saúde. Centenas de profissionais infetados, alguns terminaram fatalmente. Os lares foram muitas vezes apanhados pelo virus e onde morreram muitos idosos, mas também vários jovens. Por isso, não podia ser pior.

          No entanto para 2021, desejo muita saúde, emprego, e uma Vida mais próxima de novo do normal.

Rogério Rosa - Repórter

 

h

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

anúncios