Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Gazeta do Repórter

Informar e acompanhar a cultura, desporto e reportagens. Dar voz a quem não a tem e dar destaque a quem merece ser destacado!

Fábio, Agente de curta Carreira Morre em Missão

23.03.22 | Rogério Rosa

fabio-guerra_f5.jpg

          Na madrugada de sabado, 4 agentes á civil e de folga. foram até á discoteca Mome na Av. 24 de Julho. De folga ou não, a missão mantém-se e perante uma discussão a ocorrer no momento, os 4 agentes da Esquadra de Moscavide, atuaram para tentar separar e apaziguar a situação. Os copos, que os agressores já deveria ter emborcado, pode ter sido um rastilho e a violéncia acabou por sobrar para os 4 agentes e pior para o jovem Agente Fábio Guerreiro, que foi brutalmente espancado por 2 fuzileiros e um 3º cúmplice, que anda a monte. Ainda foi transportado para o Hospital de S. José, onde ficou em como induzido! Não tendo resistido aos ferimentos e acabou por falecer na manhã de 2a. feira.

          Fábio Guerra de 26 anos, há 3 anos como Policia. Natural da Covilhã, para onde seguirá na 5a. feira para o seu último adeus!

          Os fuzileios, que praticam boxe em Sesimbra, um deles já tinha antecedentes de violência com um agente também. O que leva a crer, que a força destes fuzileiros, é inversamente proporcional á sua inteligência. A Marinha, pode não ficar chamuscada com estes elementos, que não honraram a farda, mas o facto de terem sido detidos pelos superiores hierárquicos no Alfeite e de terem sido sujeitos a inquérito interno e de terem de aguardarem nas instalações pela Policia Judiciária, á ordem do Almirante Gouveia e Melo.

          Em toda esta situação o desprezo pela via humana, continua a ser o mote desta gente. Pessoas, que têm por missão defender, acabam por atacar, algo contra senso! 

          As homenagens a Fábio Guerra, sucedem-se em Lisboa e na Covilhã. O corpo será libertado pelo Instituto Medicina Legal, passagem pelo Martim Moniz, Marquês de Pombal e finalmente na sede da Policia de Segurança Pública em Moscavide, para uma cerimónia oficial e de seguida, o cortejo fúnebre segue para a Covilhã, onde vai ficar em camara ardente na Igreja de S. Jose.

          O desporto por mais duro que ele seja, apenas serve para ser praticado no ginásio. Serve sempre para descarregar a raiva no tapete e, serve naturalmente para se saberem defender em caso extremo e não atacar gratuitamente. Espera-se contudo, que o Ministério da Administração Interna, possa futuramente prever e prevenir situações destas á porta das discotecas.

          #agentefabioguerra 

        #atorrogeriorosa

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

anúncios